Professores de Salvador aprovam indicativo de greve; reinvindicação inclui reajuste salarial

Os professores que atuam na rede municipal de ensino de Salvador devem entrar em greve após aprovação do indicativo, nesta quarta-feira (27). De acordo com o presidente da Associação dos Professores Licenciados da Bahia (APLB), Rui Oliveira, a decisão foi tomada após Assembleia, por um reajuste do piso salarial.

Anteriormente, em negociação com a prefeitura da capital baiana, os educadores rejeitaram os 4% de aumento oferecidos pelo executivos, e apoiaram a proposta da APLB de manter os 33,24%, de forma parcelada – 11,08% para maio, julho e setembro, respectivamente.

Post Author: Redação

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.