Confusão entre prefeitos e ex-assessor vira desabafo em palanque de Rui Costa;

O prefeito de Vera Cruz, Marcus Vinícius (MDB) usou o palanque do governador Rui Costa (PT) em Itaparica, nesta terça-feira (5), para desabafar sobre conflitos regionais que ele e o prefeito daquela cidade, Zezinho (PTB), enfrentam com um antigo assessor.

Em um vídeo publicado nas redes sociais, o ex-servidor Alex Cruz, importante aliado da campanha e gestão do petebista, se a refere Zezinho como “corrupto” e “ladrão”.

No discurso desta terça, Marcus Vinícius chegou a comparar o rompimento político que aconteceu na política da ilha com o fim da relação de Rui com o PP na Bahia.
Sem citar o nome do vice-governador João Leão, o prefeito de Vera Cruz falou de gratidão e lealdade.

“Governador, o senhor que administrativamente perdeu um quadro recentemente, e deu um exemplo para todos nós com isso, eu queria te dizer uma coisa. O prefeito Zezinho viveu algo muito parecido, ele não cedeu a caprichos de ninguém, entendeu que quem é contra o prefeito, é contra a cidade”, disse o gestor municipal, sendo aplaudido pela população.

“Rui Costa deu um exemplo para a gente, que quando alguém joga baixo com a gente, quando alguém é ingrato, a gente não se rebaixa. Quando alguém vai baixo, a gente vai alto, vai por cima”, completou Vinícius.

O que diz Zezinho

Em entrevista ao PNotícias, na rádio Piatã FM, o prefeito Zezinho rebateu as acusações e disse que Alex era responsável por um centro ligado à Secretaria de Ciências e Tecnologia, porém não vinha exercendo de maneira correta suas funções.

“É um centro empreendedor, onde a gente acolhe todos os empreendedores do município, empresários, etc, e esse rapaz ficou responsável por esse centro através de um convênio que foi firmado pelo governo do estado e o município, através da Secretaria de Ciências e Tecnologia”, relatou.

“Esse rapaz sumiu do município, levou a chave desse centro e em uma fiscalização do estado, por duas vezes técnicos chegaram ao município e encontraram o centro fechado. Os técnicos foram ao centro com um chaveiro e identificaram a falta de alguns equipamentos como computadores, câmeras fotográficas, e tudo mais”, detalhou.

fonte: BNews

Post Author: Redação

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.