Definição sobre máscaras acontece até próxima sexta, garante Rui

A Bahia deverá anunciar se vai ou não flexibilizar o uso de máscaras na próxima sexta-feira (1). De acordo com o governador Rui Costa (PT), a definição sairá após uma reunião com a Secretaria de Saúde do Estado da Bahia (Sesab). 

“Vamos anunciar a decisão em função dos números de internados em UTI e o número de contaminados. Os números estão caindo e anunciaremos depois dessa reunião”, disse Rui em entrevista à RecordTV no início da tarde desta quarta-feira (30).

Na ocasião, o governador garantiu ainda que, ainda no próximo mês, dará uma resposta definitiva acerca da realização dos festejos juninos nos municípios baianos: “Se fosse hoje, diria que há 90% de chances de ter o São João em junho, porque a gente acredita que o número vai continuar caindo até lá”. 

CALMA NA DECISÃO
Nesta terça-feira (29), quando perguntado sobre a possibilidade de abaixar as máscaras no estado, Rui pediu que as autoridades em saúde tivessem calma na tomada de qualquer decisão sobre o assunto. O petista atribuiu a postura ao número de casos de Covid-19 no estado, que girava em torno de 1.500 pessoas e os 100 pacientes internados em leitos de UTI. 

Segundo ele, os números de pessoas infectadas com a doença pode ser ainda maior que os identificados nos registros oficiais. “Isso significa que o vírus ainda está circulando, já que os municípios não estão mais fazendo exames, significa que o número pode ainda ser maior que esse. E graças à vacina os efeitos são mais leves”, justificou.

De acordo com Rui, o governo teria calma: “Vou aguardar os números baixarem para que a gente possa tomar uma decisão contra o uso da máscara”. 

Recentemente, cidades como Feira de Santana, Porto Seguro e Vitória da Conquista retiraram a obrigatoriedade da utilização do equipamento de proteção em espaços abertos, sobre o assunto, o gestor preferiu não se posicionar, defendendo que não queria “criar polêmica em torno disso”.

Post Author: Redação

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.