Bahia perde para o Atlético-BA pelo Baianão

Esquadrão se mantém com seis pontos ganhos e pode terminar a rodada na zona de rebaixamento

Virou freguês! Assim como na Copa do Nordeste, o Bahia perdeu outra vez para o Atlético de Alagoinhas, desta vez pelo Campeonato Baiano, por 2 a 1, nesta quarta-feira (2), no Carneirão.

Miller, em pênalti polêmico, e Cesinha marcaram para o Carcará. Ignácio descontou para o Tricolor.

Com a derrota, o Esquadrão ficou com seus seis pontos ganhos, na sétima colocação, e se complicou no estadual. Os comandados de Guto Ferreira ficaram com chances remotas de classificação, precisando vencer seus últimos dois jogos e torcer por tropeços de adversários, e ainda pode terminar a rodada na zona de rebaixamento.

Já o time de Alagoinhas foi aos 11 pontos e assumiu a vice-liderança da competição.

PRIMEIRO-TEMPO

O jogo começou sem lances de perigo. A primeira boa chance só aconteceu aos 18 minutos, e foi do Atlético.

Thiaguinho cruzou da direita e Jerry, na área, bateu para o gol. Gustavo Henrique salvou em cima da linha.

Já aos 24, o Carcará conseguiu chegar. Miller foi lançado na frente, foi puxado por Ignácio fora da área, mas o árbitro marcou pênalti.

O próprio Miller foi para a cobrança e, com categoria, deslocou Matheus Teixeira para abrir o placar.

O Bahia só conseguiu assustar aos 28 minutos. Na entrada da área, Rodallega emendou uma bomba e tirou tinta do travessão.

Aos 33, outra chance do Tricolor. Raí recebeu bola na área, cortou o marcador, mas não conseguiu chutar. A bola ainda sobrou para Rodallega, que limpou o zagueiro, mas bateu por cima do gol.

SEGUNDO-TEMPO

O Bahia começou o segundo tempo com maior posse de bola, mas dificuldade na criação. Mas, apesar de comedido no início, foi o Atlético quem aumentou o placar.

Aos 18 minutos, após cobrança de escanteio, Cesinha desviou de calcanhar e mandou na rede de Matheus Teixeira para fazer um belo gol.

O Bahia quase diminuiu aos 21. Rodallega cobrou falta da entrada da área e acertou o travessão.

O Esquadrão ainda conseguiu diminuir aos 47. Após cobrança de falta na área, Ignácio desviou para o gol. 

Após o gol marcado, o Bahia ainda perdeu o zagueiro Gustavo Henrique, expulso.

Atlético 2 x 1 Bahia
Campeonato Baiano – 7ª rodada

Local: Carneirão, em Alagoinhas (BA)
Data: 02/03/2022 
Horário: 19h15
Árbitro: Emerson Ricardo de Almeida. Assistentes: Luanderson Lima dos Santos e Paulo de Tarso Bregalda Gussen
Cartões amarelos: Ignácio, Daniel, Luiz Henrique, Gustavo Henrique (BAH)
Cartões vermelhos: Gustavo Henrique (BAH)
Gols: Miller, Cesinha (ATL); Ignácio (BAH)

Atlético
Fábio Lima; Paulinho, Iran, Bremmer e Caetano (Matheus Leal); Lucas, Leandro Sobral (Jeferson), Jerry e Miller (Cesinha); Thiaguinho e Esteves (Lídio). Técnico: Agnaldo Liz.

Bahia
Matheus Teixeira; Douglas Borel (André), Ignácio, Gustavo Henrique e Luiz Henrique (Djalma); Rezende, Patrick (Marcelo Ryan) e Daniel (Mugni); Raí, Raí, Marco Antônio (Ronaldo) e Rodallega. Técnico: Guto Ferreira.

Post Author: Redação

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.