Em jogo de muitas chances perdidas, Vitória e Bahia empatam no clássico pelo Baianão

Com o resultado, os times seguem na mesma posição na tabela

Em jogo equilibrado no Barradão, Vitória e Bahia empataram em 1 a 1 no clássico pelo Campeonato Baiano. O jogo contou com muitas chances para os dois lados, incluindo um pênalti para o rubro-negro, desperdiçado por Guilherme Queiroz. Com o resultado, os times seguem na mesma posição na tabela, quinto e quarto lugar, respectivamente.

1.500 torcedores estiveram presentes no estádio para uma renda de R$ 10.714,00. Agora o Esquadrão vira a chave e se concentra na Copa do Nordeste, onde visita o Atlético de Alagoinhas no próximo sábado (5), às 17h45, no Carneirão. Já o Leão ficará 11 dias sem atuar. Visita o Vitória da Conquista no domingo (13), às 16h, no Lomanto Júnior.

PRIMEIRO TEMPO

Aos quatro minutos o meia-atacante Marco Antônio entrou para o ”Inacreditável Futebol Clube”, após receber um lançamento embaixo do gol rubro-negro e tocou por cima do travessão.

Aos 13 minutos o Leão respondeu em boa chegada de Luidy, que gingou para cima da defesa Tricolor e chutou cruzado, a bola passou perto da trave, assustando o Bahia.

Aos 24′, o lateral-direito Iury pegou a bola que sobrou após Guilherme Queiroz disputar com a defesa e finalizou no canto esquerdo de Danilo Fernandes, a bola passou raspando a trave.

No minuto 30, Luidy, novamente pelo lado esquerdo, finalizou da intermediária e a bola quicou no gramado, para boa defesa de Danilo Fernandes.

Dois minutos depois, Raí Nascimento carregou pela direita e lançou Rodallega, que finalizou, mas foi interceptado por Iury.

SEGUNDO TEMPO

Aos 11′, Jadson passa para Luidy no lado esquerdo do ataque e, da entrada da área, ele puxou para a perna direita e mandou no ângulo esquerdo do goleiro Danilo, abrindo o placar no Barradão.

Aos os 20 minutos, Ronaldo César recebeu pela direita e finalizou cruzado, o goleiro Lucas Arcanjo toca na bola e ela ainda bate na trave, antes de sair pela lateral. Quase o Esquadrão empata.

Quatro minutos depois, Jonathan aproveitou o espaço na lateral do Leão e cruzou para Ronaldo César desviar de letra. A bola bate na trave e sobra para Rodallega completar, empatando para o Esquadrão.

Aos 34′, Roberto avançou pela esquerda e foi derrubado dentro da área por Ignácio, O árbitro deu pênalti. Guilherme Queiroz foi para a cobrança e isolou. Segue 1 a 1.

Em seguida, em bela jogada de Rodallega, Marcelo Cirino recebeu cara a cara com Lucas Arcanjo e o goleiro do Leão conseguiu fazer a defesa.

FICHA TÉCNICA:

VITÓRIA 1 X 1 BAHIA
Local: Barradão, Salvador (BA)
Data: 2 de fevereiro de 2022, quarta-feira
Horário: Às 19h15 (de Brasília)
Árbitro: Marielson Alves Silva (CBF-BA)
Assistentes: Elicarlos Franco de Oliveira (CBF-BA) e Jucimar dos Santos Dias (CBF-BA)
Cartões Amarelos: João Pedro e Jadson (VIT); Rodallega (BAH)
Gols: Luidy (VIT) e Rodallega (BAH)
 
VITÓRIA: 

Lucas Arcanjo; Iury, Alisson Cassiano, Ewerton Páscoa e Vicente; João Pedro (Pablo), Eduardo (Ruan Nascimento), Gabriel Santiago (Jefferson Renan) e Jadson (Alan Santos); Luidy (Roberto) e Guilherme Queiróz.

Técnico: Dado Cavalcanti.

BAHIA:

Danilo Fernandes; Jonathan, Gustavo Henrique (Ignácio), Luiz Otávio e Djalma; Patrick, Rezende (Willian Maranhão) e Daniel (Ronaldo César); Marco Antônio (Lucas Mugni), Raí Nascimento (Marcelo Cirino) e Rodallega. 

Técnico: Guto Ferreira.

Post Author: Redação

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.